CIRRUS SAFE RETURN

 

Duluth, Minn. e Knoxville, Tennessee (30 de outubro de 2019) - A Cirrus Aircraft, líder global em aviação pessoal, deu início a uma nova era de inovação hoje com a introdução do Safe ReturnTM – um revolucionário sistema de pouso automático de emergência que permite aos passageiros aterrissarem o Vision JetTM com o toque de um único botão. Uma vez ativado, safe return assume o controle da aeronave e transforma o Vision Jet em um veículo autônomo que navega para o aeroporto mais próximo adequado para seu pouso, se comunica com o controle de tráfego aéreo e traz a aeronave com segurança para uma parada completa. O Vision Jet, com o Safe Return e o premiado Cirrus Airframe Parachute System® (CAPS®), oferece uma solução de segurança total e abrangente para os operadores do Vision Jet G2.

"Nossa missão é tornar a aviação pessoal mais acessível, continuando a melhorar o conforto e a segurança dos passageiros", disse Zean Nielsen, CEO da Cirrus Aircraft. "Safe Return oferece o próximo passo para o vôo autônomo, trazendo um novo nível de confiança para a experiência geral de vôo, fornecendo segurança e controle para os passageiros. Junto com o Cirrus Airframe Parachute System® (CAPS®), estabelecemos mais uma vez um novo padrão de segurança em viagens aéreas pessoais."

Facilmente acessível pelos passageiros na cabine do Vision Jet, safe return é ativado pelo toque de um botão. Uma vez pressionado, o sistema autônomo analisa as condições de relevo, a condição meteorológica e escolhe o aeroporto ideal para pouso, simultaneamente, inicia a comunicação com o Controle de Tráfego Aéreo (ATC). Alimentado pelo sistema de voo Garmin® Perspective Touch+TM, o Safe Return utiliza todos os fluxos de dados disponíveis, incluindo combustível, para navegar com segurança no Vision Jet até o aeroporto identificado e fazer a transição para a aproximação final. O Autothrottle – lançado no início deste ano e o sistema automático de controle de voo gerencia a velocidade, a altitude e o caminho da aeronave, enquanto o sistema reduz a velocidade automaticamente, abaixa os flaps e o trem de pouso na aproximação final. Safe Return culmina na aeronave fazendo um pouso totalmente autônomo na pista pretendida e chegando a uma parada completa, permitindo que os passageiros saiam da aeronave.

Após a ativação, o Safe Return transmite imediatamente uma mensagem de emergência para o ATC – Controle de Tráfego. Usando a tecnologia de texto e fala, o sistema comunica as intenções da aeronave sobre a frequência adequada do ATC, transmite a mensagem na frequência de voz de emergência 121,5 e também muda para o código de transponder para emergência universal. O ATC é atualizado automaticamente em intervalos regulares da localização da aeronave, situação de emergência e local de pouso previsto. Essas comunicações iniciam o processo de ativação de serviços de emergência no aeroporto de pouso pretendido para ajudar os ocupantes na chegada. Safe Return pode ser facilmente desligado pelo piloto com um simples pressionar do botão de desconexão do piloto automático caso ativado inadvertidamente.

Em 2016, a Cirrus Aircraft inaugurou uma nova era no transporte pessoal com a certificação do primeiro jato pessoal monomotor do mundo - o Vision Jet. A aeronave a jato definiu uma nova categoria na aviação - o Personal JetTM. Com seu cockpit espaçoso, cabine amigável para passageiros com janelas panorâmicas, assentos reclináveis, espaço para as pernas, conforto para cinco adultos e duas crianças e única aeronave turbina com um sistema total de pára-quedas como equipamento padrão. No início deste ano, a Cirrus Aircraft começou a entrega do Vision Jet G2, oferecendo maior desempenho, conforto e segurança com maior altitude de cruzeiro, velocidade e alcance, e um recém-atualizado sistema de voo Garmin® Perspective Touch+TM. A empresa espera começar a entrega do Vision equipado com Safe Return no início de 2020.

Mais informações sobre o Retorno Seguro e o Jato visão G2 podem ser encontradas em www.cirrusaircraft.com/visionjet.